segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Mais mistérios...

Olá, pessoal.

Trago outro mistério hoje. Ontem, eu estava caminhando pela rua e reparei nestes dois folhetos de políticos. Desculpem o estado dos folhetos, mas quando os achei era quase 17h e eles já estavam bem pisados. Além disso, estava chovendo ontem.




Então, como pode estes dois apoiar os dois candidatos? Já ouvi duas explicações:
1. Os partidos que se uniram para apoiar o Nedy, que não se elegeu para o segundo turno, separaram-se e, agora, alguns apóiam o Jairo Jorge e outros apóiam o Jurandir Maciel.
2. Um dos folhetos é falso. É uma cópia descarada. E, se for isso, acho que é o do Jairo Jorge. Não por alguma ideologia política, mas pelas cores utilizadas no folheto.

E aí, como vou gostar de política, se não dá pra entender nada? Pelo menos quando era ARENA e MDB dava pra entender alguma coisa.

Por hoje é tudo, pessoal.
Até a próxima.

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Alguém entendeu?

Hoje, eu tinha que escrever alguma coisa sobre a tal crise. Mas, eita coisinha complicada, heim? Aliás, economia é uma coisa muito complicada. Tudo gira em torno de um dinheiro virtual. E a gente recebe informação de tudo que é lado e acaba ficando cada vez mais perdido. Então, vou escrever um pouquinho do que eu entendi.

Pelo que eu entendi, os habitantes dos EUA gostam de comprar casas. Daí, os bancos resolveram investir nisso e emprestaram um montão de dinheiro pra eles. Só que a casa seria do banco enquanto o cidadão não tivesse terminado de pagar (a tal da hipoteca, eu acho). E o pessoalzinho lá, dê-lhe comprar imóveis. E os imóveis começaram a valorizar. Por exemplo, um imóvel que valia US$100.000,00, passou a valer US$200.000,00. E os bancos disseram que as pessoas podiam pegar mais US$100.000,00. E elas pegaram. Daí, os imóveis começaram a desvalorizar e aquela casa passou a valer US$80.00,00 (lembrando que é um exemplo, apenas). Então, ninguém tinha dinheiro pra pagar ninguém e todo mundo deve pra todo mundo. Os cidadãos devem pros bancos, que devem para outros bancos e assim por diante.

E, onde está esse dinheiro?

Daí, surgiu mais uma coisa: as grandes empresas dos EUA estavam "mentindo" nos balanços anuais por causa da Bolsa de Valores (que é mais um mistério da economia).
Acontece que eu me perdi completamente.

E aí, alguém consegue explicar alguma coisa?

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Um Mundo Melhor

video

Olá, pessoas.

Como eu não sei colocar só áudio nisso aqui, fiz um vídeo super complexo pra vocês poderem ouvir a música. Tem só uma imagem, que eu acho muito boa.
A música é bem legal e a letra é ótima. É da banda DNS8.
A música fala sobre um mundo melhor que Deus pode fazer. Agora, se me perguntarem como, acredito que Ele nos dá as oportunidades para fazer o mundo melhor.

Beijos da ruiva.


Um Mundo Melhor

Você pode ser a pessoa mais bondosa da face da terra
Se tiver medo, o mal encontra espaço em você
Confie em Deus e não terá mais medo

Você pode ser soberano no mundo
E ainda assim sentir-se só
Porém quem tem amor na alma jamais sentirá solidão

Você pode enfrentar situações de extremo sofrimento
Ser tentado a desistir, a solução mais breve
Porém se continuares com Deus viverá para nunca mais sofrer

Existe um mundo melhor pra viver
Existe um mundo melhor pra morar
Um mundo novo redesenhado pelas mãos do Senhor
Confie nele e viverá

Há homens que vagam pela Terra
Procurando um destino
Não conhecem a verdade que revela o caminho da vida

Andam distantes do amor
Beirando o abismo da morte
Procuram nas entranhas do mundo a liberdade da dor
Mas somente a verdade pode libertar e trazer a paz
É difícil encontrar a coragem pra deixar as coisas do mundo
E entregar-se a uma fé que transcende os limites do homem
Por caminhos que a razão desconhece e não pode explicar

Porém,
Conduz a um mundo melhor pra viver
Um mundo melhor pra morar
Um mundo novo redesenhado pelas mãos do Senhor
Confie nele até o fim e viverá

No meu coração essa guerra acabou
Em meu peito a vida arde em constante louvor
Louvor que elevo ao Senhor

Seu nome foi louvado na noite em que na Terra nasceu
Seu nome foi louvado quando sobre a morte triunfou
Também quero louvar-te
Por teu amor
Por um mundo melhor

Tu faz um mundo melhor pra viver
Tu faz um mundo melhor pra morar
Tua vontade se estende a todos sem restrição
Quem crê em ti tem amor pra sempre e tem

domingo, 5 de outubro de 2008

Entrelinhas

Com um não escondo
aquilo que revelo no olhar.
Mostro num gesto
o que não quero falar.
Será que consegues compreender?
Por que me dizes uma coisa,
se queres realmente outra?
O que queres que eu entenda
com as frases que me falas?
O que queres que eu saiba
está entre uma frase e outra.
Falas a noite inteira
coisas que me desagradam.
Mas, com uma única palavra, ao fim,
queres que eu esqueça tudo?
São tantas estas coisas
que estão entre as nossas linhas.