sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Expressão



Não tinha dia triste
nem falta de esperança.
Sempre era sorriso,
sempre, carinho.
Amor bom.
O futuro era bonito
nos sonhos coloridos,
na alma juvenil.
Tudo era tão sincero,
e não havia maldade.
Energia altruísta.
Muita, muita vontade.
O bicho era mais forte.
Restou no peito saudade.

Um comentário:

Rolando disse...

oi. tudo blz? muito legal. apareça lá. abraços.